Redescobrir o Teatro

Domingo, dia 6, fui ver o "Copenhaga". A minha filha mais velha "engatou-me" porque morria por ir ver a peça. É fantástico redescobrir o Teatro (já lá não ia há uns anitos). A descoberta científica também é feita pelos humores, manias, virtudes e defeitos dos cientistas. Os dramas pessoais que enfrentam, as opções que são forçados a tomar, os preconceitos de quem está de fora. Ou de quem é vencedor da guerra, como no caso do Heisenberg, que chefiou o programa nuclear alemão durante a II Guerra Mundial, tomou opções científicas (pelos vistos por limitação da própria física alemã da época, expurgada dos melhores génios, que eram judeus) que impediram a bomba atómica no III Reich. Os americanos, vencedores, e todos os físicos que participaram activa e eficazmente no programa Manhattan (incluindo o seu ex-amigo de longa data Niels Bohr, que contribuiu com o valor da massa crítica para a reacção em cadeia), o desprezaram. E afinal apenas porque estava do lado errado na altura errada!
Augusto Carreira

Comentários

Mensagens populares deste blogue

Os nomes das doenças [21]

A saga parte II